Cidades do Noroeste e Norte Fluminense lideram casos de chikungunya no estado

As regiões do Norte e Noroeste fluminense têm o maior número de casos prováveis de chikungunya fora da capital do estado, segundo boletim epidemiológico da secretaria de Estado de Saúde.

Até o dia 10 de julho, 9.873 pessoas foram diagnosticadas com a doença nos 15 municípios da região Noroeste, o que representa 16% do número total de casos.

Ainda segundo o documento, a região Noroeste, que apresenta maior incidência, está com o menor percentual de casos confirmados laboratorialmente, diferentemente das outras regiões com incidências elevadas.

Fonte: Folha 1

Obrigado por acessar nossa página.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s